Instituição >> EP CISAVE

Introdução
A Escola Profissional CISAVE é uma escola de natureza privada, sem fins lucrativos, goza dos prerrogativos do estatuto de pessoa colectiva de utilidade pública com o nº 503659266. Foi criada e homologada em 11/09/91 mediante contrato-programa, outorgado pelo Ministério da Educação - através do GETAP e a Associação Comercial e Industrial de Guimarães - Entidade Promotora, ao abrigo do Decreto-Lei nº 26/89 de 21 de Janeiro, revogado posteriormente pelo Decreto-Lei nº 70/93 de 10 de Março.

Objectivos
Responder as necessidades de qualificação emergentes na industrializada do VALE DO AVE. Apostando na qualificação de recursos humanos.
Neste contexto estão a disposição um conjunto de actividades que procuram responder as expectativas dos formandos, assim como as carências da região do vale do ave.

Sensibilização para a importância da cidadania, responsabilidade e participação na vida escolar assim como na comunidade;

Estimular e apoiar a aprendizagem;

Criar ambientes de aprendizagem estimulantes com valor significativo nos planos educativo e formativo;

Promover a auto-formação de formadores e professores;

Criar condições que permitam aos docentes e pessoal auxiliar de competências que lhe permitam a rentabilização das potencialidades das novas tecnologias;

Realização de projectos de interesse público que permitam articular de forma clara a educação, formação com a comunidade local e regional.


Técnico de Informática/Aplicada (Indústria)

Objectivos:

- Formação de técnicos em informática e organização, com uma especialização fortemente vocacionada para as aplicações de índole industrial

Saídas Profissionais:

- Programador/Analista de sistemas com base em qualquer linguagem
- Técnico de Vendas em Instalação (Hardware/Software)
- Operador de Aplicações Informáticas
- Gestor de Sistemas
- Instalar e Gerir Aplicações Informáticas
- Desempenho de Funções Técnico-comerciais na Área de Informática


Técnico de Serviços Comerciais/Comércio Externo

Objectivos:

- Formação de profissionais com competência para agir com autonomia ou por conta de outrém na gestão de pequenas unidades comerciais
- Conhecer o sector comercial, na sua evolução, desenvolvimento, perspectivas e funcionamento
- Conhecer a organização e gestão económica e financeira de uma empresa comercial
- Conhecer as rotinas do comércio internacional e câmbio, legislação aduaneira, marketing internacional, seguros e transportes internacionais

Saídas Profissionais:

- Técnico de Comércio com especificações para vendas, gestão, ou comércio externo, competência para agir com autonomia na gestão de pequenas unidades comerciais ou como técnico qualificado em comércio externo
- Auxiliar Administrador/Sub-Chefe ou mesmo sub-gerente em qualquer ramo do comércio de vendas e armazéns.


Técnico de Comunicação, Marketing, Relações Públicas e Publicidade

Objectivos:

A formação de técnicos de comunicação é fundamental tendo em conta o processo de desenvolvimento económico e de modernização tecnológica que atravessamos, principalmente com a adesão de Portugal à Comunidade Europeia.
Pretende-se pois, que os jovens formandos adquiram e desenvolvam, durante o curso, as competências necessárias para o desempenho de funções, em empresas e/ou entidades públicas ou privadas, ao nível do Marketing, Relações Públicas e Publicidade

Saídas Profissionais:

Área de Marketing- serviço e assessoria nos departamentos de marketing, vendas, merchandising e pesquisa de mercado
Área de Relações Públicas- serviço e assessoria nos departamentos de relações públicas; pesquisa e estudos de opinião: comunicação na empresa e difusão da sua imagem
Área de Publicidade- serviço de assessoria nos departamentos de publicidade, nos "media" e nas agências de viagens; pesquisa e prospecção de mercados.


Técnico de Planeamento e Gestão de Produção

Objectivos:

- Formação de profissionais nas áreas de planeamento, organização, manutenção, gestão e controlo de stocks numa empresa industrial ou comercial
- Um técnico de planeamento e gestão de produção tem os conhecimentos necessários para exercer a sua actividade como chefe de departamento de produção de uma empresa industrial ou comercial ou ainda responsável pelo departamento de aprovisionamento da empresa

Saídas Profissionais:

Chefe do Departamento de Produção onde deverá planear e fazer cumprir a política de produção definida pela empresa, assim como prever, organizar, dirigir e controlar a actividade produtiva de um ou vários departamentos. Avaliar as necessidades de mão-de-obra, equipamento e materiais, e providenciar pela sua satisfação.
Chefe do Departamento de Aprovisionamento responsabilizando-se pela sua gestão, assegurando a aquisição de materiais e equipamentos nas melhores condições, assim como uma correcta gestão de stocks.


Técnico de Turismo/Profissional de Informação Turística.


Inscrições

Destinatários

Jovens com 9º Ano de Escolaridade
Cursos com a duração de 3 anos
(10º, 11º e 12º anos)

Documentos necessários no acto de inscrição:

- 2 fotografias
- Boletim de Inscrição/Matricula (à venda na escola)
- Boletim estatístico ( à venda na escola)
- Bilhete de Identidade e respectiva fotocópia
- 2 postais dos C.T.T. selados e endereçados
- Certidão de Habilitações de 9º ano
- Notas de todas as disciplinas do 7º, 8º e 9º anos

Condições
- Taxa de inscrição
- Propina Trimestral
- 20 alunos por turma (prova de selecção)

Regalias

- Ensino personalizado e orientado para as necessidades da região
- Formação em contexto de trabalho
- Estágio no final do curso
- Seguro de acidentes pessoais

Benefícios (sujeitos a candidatura)

- Subsídio de alimentação
- Subsídio de transporte/alojamento
- Bolsa de apoio complementar

Diplomas

No final dos cursos, os alunos terão direito a 2 tipos de diplomas concedidos pelo ministério da educação.
- Certidão de Habilitação do 12º ano (para acesso ao Ensino Superior)
- Certidão de Qualificação profissional de nível 3 (para acesso ao mercado de trabalho).

Fechar